Como achar seu hobby

Como achar seu hobby
Quem precisa mais: quando não se encontra satisfação no trabalho, a necessidade de encontrar um hobby aumenta. Mas isso não significa que quem não usa o lazer para desenvolver uma atividade específica deva se preocupar. Segundo o psicoterapeuta Ari Rehfeld, supervisor da Clínica Psicológica Ana Poppovic, da PUC-SP, "nem todos são obrigados a ter um hobby, mas é preciso ter algum tipo de lazer". Não se deve usar o hobby como válvula de escape para todos os problemas. Além de se transformar em obrigação, a atividade pode virar obsessão e deixar de causar prazer. 
 
Descobrir o que fazer: uma dica é se concentrar em momentos agradáveis do passado. A descoberta pode vir do resgate de antigos interesses. "Dificilmente um adulto vai construir um carrinho de rolimã porque fazia isso quando criança, mas pode se interessar por corrida de kart", explica Rehfeld. O ideal é resgatar antigos desejos. Se for difícil realizar isso sozinho, a ajuda de um psicólogo pode resolver o problema. 
 
Novas experiências: em caso de indecisão e falta de opções, comece a frequentar lugares incomuns. Há grandes chances de você se deparar com pessoas envolvidas com atividades que não conhece, e alguma delas pode interessar. 
 
Oposto do trabalho: atividades totalmente opostas à rotina do trabalho são as escolhas ideais. É claro que a opção depende da personalidade de cada um. Segundo Rehfeld, ao optar por algo diferente do trabalho, a pessoa tem a possibilidade de desenvolver habilidades desconhecidas e lidar com sensações que nem sempre fazem parte do cotidiano, como paciência, necessidade de tomar decisões rápidas ou vencer o medo. 
 
Aproveite o tempo livre: sentir angústia com a possibilidade de ter horas de folga é um problema. "Quando não se tem um lazer apropriado à personalidade da pessoa, é comum a sensação de tédio durante o tempo livre", afirma Rehfeld. Essa sensação indica que a pessoa deixou de fazer algo que queria muito no passado. A frustração é tão forte que ela perde interesse por todas as outras coisas. Nesse caso, o melhor é procurar a ajuda de um psicólogo. 
Fora televisão: procure usar o tempo livre de forma criativa. A televisão é um recurso cômodo demais. É melhor ler um livro ou assistir a um filme no cinema. Lazer nem sempre envolve investimento financeiro. Use a criatividade para preencher as horas de descanso. 
 
Força de vontade: o desenvolvimento de um hobby depende apenas da iniciativa individual. É preciso aprender a trabalhar com o lazer e pensar em que tipo de vida se deseja ter. Segundo especialistas, a falta de tempo para diversão é, na maioria das vezes, uma desculpa esfarrapada.
 
Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/fsp/equilibrio/eq3108200016.htm
 
  • Compartilhe:
Imprimir
  • Receba essas Ofertas por e-mail

    Cadastrar
  • Vá até o Maxxi mais próximo

  • Sem tempo? Compre por telefone

Formas de Pagamento

Crédito:
Crédito (Parcelado):*

*Consulte condições e as categorias de parcelamento nas lojas.

Débito:
Cartões Walmart:
  • Cartão alimentação*

  • Cartão super compra

  • Cartão super premiação

*Consulte disponibilidade nas lojas.

Acompanhe o Maxxi Atacado

Televendas

Selecione uma unidade

Cadastre seu e-mail
e receba as promoçoes!

E-mail cadastrado com sucesso